Seja bem-vindo(a) ao meu Blog. Sou Mário Jorge Lima, e abaixo estão textos meus, apresentados como sermões, palestras, ou simplesmente frutos de minhas reflexões pessoais.

Sou pai dessas 5 moças ao lado, Mariana, Isabela, Júlia, Laura e Luíza, a quem amo mais que a mim mesmo. Quando escrevo sobre assuntos espirituais, quando apresento palestras ou sermões, é primeiramente para elas e pensando nelas que estou escrevendo e falando.

Esses textos, atualizados sempre que eu os crio, e para isso não tenho uma periodicidade definida, são o legado escrito que deixarei a elas, sem erudição, sem proselitismo, sem "filosofismos". São as coisas em que de fato creio e pelas quais hoje vivo. Se Deus me der o tempo e a chance necessários, ainda pretendo escrever um livro com estas reflexões. Se não conseguir, elas estarão pra sempre aqui nesse Blog.

OBS: As palestras são organizadas com as mais recentes sempre no Topo.

Postado em: sábado, 18 de fevereiro de 2017

Pérolas Esparsas - 36 - PERFEITOS?

PERFEITOS?

18/02/2017

Nem perfeccionismo nem anti-perfeccionismo! Na verdade, não alcançaremos a perfeição! É ela que nos alcança. Em que sentido? Deus considera como perfeição a imperfeição humana de Seus filhos, daqueles que vivem a santificação, que crescem na graça e no relacionamento com Ele, que dependem d'Ele a cada momento, que sabem que não têm merecimento algum, que aceitam pela fé os méritos de Seu Filho, Jesus Cristo. Essa é a vida nova!

MARANATAAA!

Mário Jorge Lima./
São Paulo, 18/Fevereiro/2017.

Autor: Mário Jorge Lima
São Paulo, 18/Fevereiro/2017.

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso [a salvação pela graça] não vem de vós; é dom de Deus.” Ef. 2:8.

Postado em: sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Reflexões Sobre a Graça - 39 - PALAVRAS DE GRAÇA

PALAVRAS DE GRAÇA
17/02/2017

Meditando sobre coisas ditas, comentadas e mostradas nas redes sociais, percebo que eu, cristão, todas as vezes que manifesto juízo de valor sobre algo, sobre alguém ou sobre alguma situação, via de regra me coloco do lado bom, bonito, virtuoso, elogiável, correto, oportuno da história ou do fato.

Assim, eu sei como fazer e falar, eu possuo a visão mais acertada de tudo, eu não erro, eu não cometo equívocos, eu tenho as melhores soluções, e, se estivesse naquela situação ou circunstância, teria feito tudo de modo muito melhor. Sou como os personagens bons das novelas televisivas. E o pior é que essa postura, em grande parte das vezes, é inconsciente.

Se ao contrário, com frequência eu me reconhecesse do lado ruim, feio, corrupto, indigno, inadequado, e percebesse o quanto tenho sido vilão e não herói, veria que os que têm opiniões e posições opostas às minhas são pessoas tão boas ou melhores do que eu me julgo ser. E, então, graça, misericórdia, bondade, verdadeira água viva, jorrariam de dentro de mim para os outros, abrindo espaço para uma real transformação e crescimento pessoal.

Quantas oportunidades tenho perdido para ser companheiro, ajudador, compassivo, paciente, amorável, amigo, trazendo bênção e fazendo a diferença pra melhor na vida das pessoas!

Quando Jesus falava, esta era a reação do povo diante da Sua pregação:

"Todos lhe davam testemunho, e se maravilhavam das palavras de graça que lhe saíam dos lábios." Luc.4:22.

Mário Jorge Lima./ /
São Paulo, 17/Fevereiro/2017.

Autor: Mário Jorge Lima
São Paulo, 17/Fevereiro/2017.

“Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isso [a salvação pela graça] não vem de vós; é dom de Deus.” Ef. 2:8.